Sabia que a obstipação infantil afeta cerca de 30% das crianças? É verdade, esta é uma situação comum, sendo uma condição responsável por cerca de 3% a 5% das consultas de pediatria geral.

A obstipação infantil está na origem de 35% das consultas de gastroenterologia pediátrica. Desta forma, cabe aos papás e mamãs manterem-se atentos à regularidade com que as crianças evacuam.

 

O que é a Obstipação?

A obstipação consiste na dificuldade em regular a progressão das fezes, podendo levar à incapacidade total em evacuar. As fezes podem endurecer e ficar secas. Este não é um problema exclusivo dos adultos. Aliás, a obstipação infantil é frequente. Por isso, convém os papás e mamãs estarem atentos, porque se trata de uma condição que pode gerar mal-estar no bebé ou na criança. 

Tenha em consideração que se a criança estiver até três dias sem evacuar é normal. No entanto, se passarem mais dias sem uma única dejeção, requer a sua intervenção.

 

A obstipação infantil é muito frequente nas crianças, embora seja, normalmente, uma perturbação passageira no normal funcionamento do seu intestino. 

 

A obstipação infantil nos bebés e crianças é uma preocupação constante. Os papás que vigiam se as crianças evacuam diariamente, devem ter em conta que não é obrigatório que elas evacuem todos os dias para serem saudáveis. 

Os intervalos de evacuação podem ir até três dias e são considerados normais. No entanto, se o seu filho ou filha ultrapassar períodos superiores a 3 dias sem evacuar de forma sistemática, então já se poderá considerar que se está perante um caso de obstipação infantil.

Embora a obstipação infantil possa surgir em crianças de diferentes idades, geralmente, esta condição manifesta-se especialmente em três períodos da vida:

  • no momento da diversificação alimentar (em que se introduzem sólidos ou derivados de leite); 
  • na fase de treino do bacio;
  • na entrada para a escola. É na idade escolar que o pico de prevalência ocorre.

 

Diferentes Tipos de Obstipação Infantil

Geralmente, a obstipação infantil surge quando a criança começa a associar dor ao ato de defecar. Ora, a criança, para evitar essa dor ou desconforto, faz por impedir ou atrasar futuras dejeções. Assim, ocorre uma acumulação progressiva de fezes. A normal urgência para defecar acaba por desaparecer, porque o reto se vai distendendo, lentamente. 

No entanto, a criança terá novamente vontade de defecar mais tarde. Contudo, devido ao facto de ter excesso de fezes duras pela retenção durante vários dias, a dejeção torna-se dolorosa e inicia-se assim um círculo vicioso. Quanto mais tempo as fezes estiverem no intestino grosso mais duras ficam porque uma das principais funções desta parte do intestino é reabsorver água.

Existem dois tipos de obstipação infantil que apresentam diferentes caraterísticas. São elas a obstipação infantil funcional e a obstipação infantil crónica ou recorrente.


Obstipação Infantil Funcional

Obstipação Infantil Funcional

A obstipação infantil funcional é comum, ocorrendo em 90% a 95% das crianças. Neste tipo de obstipação infantil, não se consegue identificar uma causa orgânica. Este é um problema que requer terapêutica.


Obstipação Infantil Crónica

Obstipação Infantil Crónica

A obstipação infantil crónica pode ser originada por doenças neurológicas, doenças endócrino-metabólicas e/ou doenças anatómicas. É mais rara. Contudo, este tipo de obstipação infantil também pode surgir como resultado de fatores ambientais, psicossociais ou ambos.


Sintomas de Obstipação Infantil

A criança com obstipação Infantil apresenta um conjunto de sintomas, nomeadamente:

  • evacuações semanais inferiores a 3;
  • mau humor e irritabilidade;
  • dor abdominal;
  • fezes muito duras e secas;
  • maior sensibilidade na barriga. Choro ao tocar na área abdominal;
  • inchaço da barriga;
  • redução na vontade de comer.

 

Causas da Obstipação Infantil 

Existem várias causas possíveis para a obstipação infantil, nomeadamente: 

  • Anatómicas
    Anomalias ânus / recto; obstrução intestinal; síndrome do cólon esquerdo curto;
     
  • Endócrinas ou metabólicas
    Poliúria; diabetes; fibrose quística; hipotiroidismo; hipocaliemia; Intoxicação por vitamina D;
     
  • Fisiológicas
    Dieta pobre; obstipação infantil funcional;dieta pobre em fibras; ingestão inadequada de fluidos; imobilidade; entre outras;
     
  • Neurológicas
    Síndrome de Down; doença Hirschsprung; disrafismo espinhal fechado; paralisia cerebral; mielomeningocelo; neurofibromatose;
     
  • Outras
    Doença celíaca; entre outras;

É também importante referir que no caso de a obstipação infantil surgir em pleno processo de transição para o bacio, os papás e mamãs devem ser o mais disciplinados possível com os hábitos de defecação da criança. 

É bastante importante que a criança esteja diariamente sentada 5 a 10 minutos no bacio, logo após as refeições, para aproveitar do reflexo gastrocólico. Essa missão serve para a criança se habituar e aceitar o bacio como algo natural no seu quotidiano.

 

Tratamento para Obstipação Infantil

Alguns papás questionam-se se há alimentos para contornar a obstipação infantil. A verdade é que o tratamento e a prevenção da obstipação passam por adotar uma dieta rica em fibra e pelo aporte hídrico adequado. 

 

Dieta Rica em Fibras

Há alimentos que ajudam a prevenir e a tratar obstipação infantil, como arroz, bananas, cenoura. Além disso, importa fazer uma dieta rica em fibras.

Entre os alimentos ricos em fibras adequados para tratar a obstipação infantil estão os cereais (nomeadamente, fibra, farelo, etc.); os vegetais (como o feijão e a batata-doce); ou fruta (tais como a pera e a maçã com casca, embora kiwi, morangos, ameixa, papaia e frutos secos sejam outras opções possíveis). É fundamental incluir mais legumes na alimentação da criança, nomeadamente através da sopa.

 

Trocar o Tipo de Leite

Quando os bebés são alimentados com fórmula, os papás e mamãs podem experimentar trocar o tipo de leite que a criança bebe, de forma a ver se tal poderá ajudar a resolver a obstipação infantil.

 

Massagem

Fazer massagens suaves no estômago e nos abdominais inferiores do bebé e da criança podem ajudar a estimular o intestino. Por isso, os papás e mamãs com filhos que sofram de obstipação infantil devem fazer várias massagens ao longo do dia aos seus petizes.

 

Aporte Hídrico

Neste contexto, a hidratação oral é importante e não deve ser esquecida ou desvalorizada. Os papás e mamãs devem ter em conta que a quantidade de líquidos ingerida pelos mais pequenos devem ser proporcionais ao respetivo peso. 

Como referência, deve considerar as seguintes indicações:

  • Para uma criança com um peso de cerca de 5 kg, é necessária a ingestão de 500 ml de fluidos;
  • Para uma criança com um peso de cerca de 10 kg, a ingestão deverá ser de 1000 ml de fluidos;
  • Para uma criança com um peso de cerca de 20 kg, a ingestão deverá ser de 1500 ml de fluidos.

Se for necessário, poderá recorrer a laxantes próprios para crianças para resolver o problema da obstipação Infantil, sempre com o devido aconselhamento médico.

Obstipação nas Crianças

Quando Consultar o Pediatra devido à Obstipação Infantil?

A obstipação infantil não deve ser desvalorizada. Os papás e mamãs devem levar o bebé ou a criança a uma consulta ao pediatra sempre que o petiz esteja há mais de três dias sem evacuar. 

O pediatra também deve ser consultado quando o bebé ou a criança apresentar sangue nas fezes. O mesmo deve ser feito quando o petiz revelar ter dores abdominais muito fortes. 

 

Tenha o cuidado de informar o médico sobre os hábitos intestinais da criança. 

 

Durante a consulta, o médico deve ser informado de todos esses pormenores que podem ajudar a identificar as causas da obstipação infantil. Assim, o médico poderá resolver o problema mais rapidamente, indicando-lhe o tratamento mais adequado.

Os seus filhos já passaram pelas diversas fases da obstipação infantil? Partilhe as suas opiniões com a comunidade Bolas de Sabão!

autor: Bolas de Sabão

0 comentários

Gostou deste artigo?

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *
O seu comentário ficará visível após aprovação.

Saiba mais sobre:

Acompanhe todas as novidades! Subscreva a nossa newsletter

Subscrever Newsletter