A vulvovaginite infantil é o principal motivo que leva as crianças e os adolescentes a recorrer aos serviços de ginecologia, não havendo, no entanto, números concretos acerca da sua incidência.1

Cerca de 70% das vulvovaginites na infância e adolescência são inespecíficas2

 

O que é Vulvovaginite? 

A vulvovaginite é uma doença do foro ginecológico, uma inflamação na mucosa vulvar e vaginal, causada geralmente por causas anatómicas, fisiológicas e comportamentais, como: medidas de higiene precárias, agentes químicos, mecânicos ou por trauma, bastante próprias da faixa etária.

 

 Sintomas da Vulvovaginite nas crianças

A apresentação da doença é extremamente variável, os sintomas mais sentidos são:3

  • Secreção vaginal;
  • Prurido;
  • Ardência; 
  • Odor;
  • Dor;
  • Sangramento.

É possível também verificar, quando confirmada vulvovaginite nas crianças, uma pigmentação vulvar vermelha e dorida, associada a corrimento vaginal com odor, e ardor ao urinar.3

Caso se observe um eczema, a criança pode apresentar comichão. Este sintoma tem tendência a piorar no período noturno.3

Os sintomas da vulvovaginite infantil são frequentemente instáveis, tendo tendência a desaparecer vários dias e posteriormente voltar. Os sintomas podem durar até a criança atingir a puberdade.3

 

Causas da Vulvovaginite infantil

Podem existir muitas causas de vulvovaginite pediátrica. As raparigas são mais suscetíveis devido aos seus níveis hormonais mais baixos, nomeadamente de estrogénio, que tornam a pele vulvar e vaginal muito fina e sensível.4

 

Causas anatómicas:2

  • Curta distância entre vagina e ânus;
  • Pequena abertura himenal;
  • Diminuição de mecanismos imunes locais;
  • Ph 6.5 e 7.5;

 

Hábitos e higiene:2

  • Limpeza na direção anal-vulvar;
  • Abuso e relação sexual;
  • Roupas húmidas;
  • Roupas apertadas e tecidos pouco ventilados;
  • Produtos de higiene desadequados;

 

Condições cutâneas:2

  • Dermatose extra genital de localização vulvar.

 

Tratamento para a Vulvovaginite infantil

O tratamento para a vulvovaginite deve ser iniciado com a adoção de algumas medidas simples, possíveis de fazer em casa ou adotar no dia a dia, que não interferem com a vida quotidiana da criança. Como por exemplo:3

  • Alteração dos produtos de higiene, de preferência de ph neutro;
  • Alterar a marca de papel higiénico;
  • Usar roupa larga;
  • Aplicar creme calmante na área, de preferência prescrito pelo médico;
  • Lavar a vulva regularmente e de forma suave;
  • Usar roupa limpa diariamente;
  • Após as necessidades, limpar a zona no sentido vagina ânus;
  • Após as necessidades lavar as mãos com água e sabão;
  • Optar por roupa de algodão;
  • Evitar banhos de espuma e produtos antibacterianos;

Outro procedimento possível de adotar em casa, e que beneficia o tratamento da vulvovaginite infantil é o banho de vinagre:3

  • Adicione ½ chávena de vinagre branco a um banho pouco profundo e lave a criança com esta mistura. A zona afetava (vulva) deve estar em contacto com a água com vinagre durante 10-15 minutos.3

Repita o procedimento durante alguns dias. Caso não se verifique melhoramento dos sintomas, entre em contacto com um profissional de saúde e exponha as suas dúvidas. A vulvovaginite não causa problemas a longo prazo.

 


 

Referências:

1.    Vulvovaginites em idade pediátrica. (n.d.). Enciclopédia Pediátrica Online. Retrieved November 25, 2020, from https://pedipedia.org/pro/artigo-profissional/vulvovaginites-em-idade-pediatrica
2.    Ferrian, A. M., Simões, F. C., Caruso, P. C., & Maia, E. M. C. (2007). Vulvovaginites em crianças e adolescentes: uma revisão qualitativa. Perspectivas Médicas, 18(1), 33–38. http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=243217495009
3.    Vulvovaginitis: children & teenagers | Raising Children Network. (n.d.). Retrieved December 2, 2020, from https://raisingchildren.net.au/guides/a-z-health-reference/vulvovaginitis
4.    Pediatric Vulvovaginitis | Children’s Hospital Colorado. (n.d.). Retrieved November 26, 2020, from https://www.childrenscolorado.org/conditions-and-advice/conditions-and-symptoms/conditions/pediatric-vulvovaginitis/

autor: Bolas de Sabão

0 comentários

Gostou deste artigo?

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *
O seu comentário ficará visível após aprovação.

Saiba mais sobre:

Acompanhe todas as novidades! Subscreva a nossa newsletter

Subscrever Newsletter